Início Norte PO Manaus: luta e resistência!

PO Manaus: luta e resistência!

2009
0

Um fato que marcou nossa trajetória na P.O Manaus diz respeito ao momento em que a Pastoral foi desalojada da estrutura física da Arquidiocese de Manaus.  Foi um período – final da década de 90 – em que a conjuntura nacional mostrava um quadro de crise para a classe trabalhadora. Desemprego crescente, desarticulação dos sindicatos, e a P.O com pouca articulação e um número irrisório de militantes. Foi aí que nossa sala foi ocupada por outro movimento/pastoral da Arquidiocese. Nossos documentos, livros, nossos pertences foram colocados em um canto debaixo de uma escada, ficando exposta a chuva. Perdemos alguns materiais. Quando soubemos da situação, já havia passado alguns dias…

Fomos acolhidas na paróquia Mãe da Misericórdia na compensa e na comunidade Nossa Senhora de Nazaré, onde ficamos até 2005 quando adquirimos nossa atual sede.

A aquisição da casa de deu através de doações, principalmente do Padre Giuliani, este conheceu pessoalmente Santo Dias. Talvez tenha sido essa a motivação da ajuda. Recebemos também apoio da AIFO, instituição que apoiava o trabalho de Geração de Renda que desenvolvíamos com mulheres. Também contamos com o apoio das comunidades da Paróquia Mãe da Misericórdia – compensa na pessoa do Padre Paulo Sergio, que nos abraçou naquele momento.

Com nossa saída daquele espaço, “agora sem tento”, tínhamos duas saídas: entregar a Pastoral ao Bispo/Arquidiocese, ou buscar forças para continuar assumindo o trabalho que era das/os trabalhadoras/es…

Li em algum lugar: – “Mãe, o que é desistir? – Não sei filha, somos mulheres”!

Manaus, 28 de outubro de 2020.

Edsa Nássara dos Santos Silva

Pastoral Operária da Arquidiocese de Manaus

AnteriorPastoral Operaria nacional promove formação da militância durante a pandemia
PróximoJOVENS QUE REAGEM E SE LEVANTAM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui